Uma cadeira, muitas histórias!

Emmanuelle ou Pavão: a cadeira de Vime que é pura tentação.

Vimes Iporã

Projetada para a nobreza, na década de 30, design majestoso, detalhes em ouro, pérola e ou pedras preciosas, em ratan chinês, um utilitário de ostentação, medidas do encosto dignas de um rei, em formato e cores semelhantes de um pavão – conforme o nome original.

Esse utilitário nobre, que declarava poder a quem se assentava, com o passar dos anos virou tendência, um dos maiores motivos, além de vários famosos posarem em fotografias junto a ela, foi quando a atriz Sylvia Kristel protagonizou cenas sensuais de uma série de filmes eróticos intitulados “Emmanuelle” nos anos 70  na cadeira pavão.  

A cena dessa bela Jovem sentada marcou e está ligada a essa simbologia até hoje sendo reconhecida também por cadeira Emmanuelle.

 

Curiosidades sobre ela não faltam, além dos acima citados, ela ainda está relacionada ao Black Power, o líder desse movimento conduzia suas reuniões e discursos políticos nesse estilo de cadeiras e quando ele não se fazia presente o seu trono o representava.

Símbolo de poder, fama, desejo e sedução. Rica em detalhes, com encosto largo, arredondado e acima da cabeça, os detalhes em pedrarias foram substituídos por desenhos em forma de caracol e tramados que criam padrões visuais deslumbrantes.

Muitos modelos surgiram inspirados nesse modelo, em variados tons e cores, até em outras composições, a principal passou a ser em vime – fibra natural da planta salix, que é duradoura, flexível e leve.

Um trono, uma peça que chama muita atenção, que sempre é destaque. Na atualidade é usada principalmente na decoração. Em cenários de estudios fotográficos para dia das mães ou mulheres poderosas.

Na decoração, os eventos em que essa peça pode ser usadas são:  Em casamentos – cadeira dos noivos , em formaturas, bem como para outros espaços.

 Enfim quando quiser dar personalidade em algum ambiente opte pela cadeira pavão ou Emmanuelle. Tem beleza, história e conforto aliados. A atenção é certa!

Deixe um comentário